terça-feira, 14 de abril de 2015

Data da partida entre Salgueiro e Fla é definida. Cariocas já reservaram hotel

Estádio Cornélio de Barros (Foto: Daniel Gomes)
Cornélio de Barros está pronto pra receber o Flamengo (Foto: Daniel Gomes)
A expectativa por parte dos torcedores do Sertão de Pernambuco para a divulgação da data do primeiro jogo do Salgueiro contra o Flamengo, pela Copa do Brasil acabou. Isso de acordo com um dos integrantes da diretoria do Carcará, José Guilherme da Luz, que confirmou o duelo histórico para o dia 22 de abril, às 22 h, no estádio Cornélio de Barros. 

Antes da confirmação por parte do diretor do Carcará, o Rubro-Negro já havia reservado um dos hotéis da cidade para dois prováveis períodos. Uma reserva para o dia 22 e outra para o dia 29. Mas segundo informações, nesta terça-feira houve um novo contato. O Flamengo teria solicitado o período do dia 20 ao dia 23. 
Só a informação da hospedagem do clube do Rio de Janeiro foi o bastante para movimentar ainda mais a cidade de Salgueiro. De acordo com um dos funcionários do hotel, mesmo sem a data definida, o número de procura por vagas no estabelecimento teve um grande aumento, tudo isso por conta de torcedores que desejam ficar alojados no mesmo local que a delegação carioca.
– A procura é muita. Tanto que para esses dois períodos (prováveis datas do jogo) não temos mais vagas. Bastante gente está procurando, mas como não temos mais disponibilidade estamos indicando outros hotéis daqui da cidade – confessa o funcionário da hospedagem.
Dos 57 apartamentos que existem no local, a delegação do Flamengo ocupará 26. Ainda de acordo com informações do funcionário, algumas exigências foram feitas pelo time, mas nada de excepcional. 
Por GloboEsporte.com

terça-feira, 7 de abril de 2015

Torcedor do Salgueiro terá que pagar R$ 100 para ver o jogo contra o Fla

Torcida do Salgueiro (Foto: Emerson Rocha)
Contra o Flamengo o Cornélio de Barros deverá ficar lotado (Foto: Emerson Rocha)
Desde o dia 31 de março, quando o Salgueiro goleou o Piauí por 5 a 1 e confirmou presença na segunda fase da Copa do Brasil, a próxima partida da equipe na competição nacional se tornou o assunto mais comentado na cidade do sertão pernambucano. O motivo desse alvoroço está no adversário, o Flamengo. Dentro e fora do clube, a opinião é unânime: esse será o jogo mais importante dos dez anos de história do Carcará. Só que para fazer parte desse momento histórico, o torcedor salgueirense terá que desembolsar uma quantia que não está acostumado a pagar. 

– Foi confirmado hoje (terça-feira) a R$ 100 o ingresso para a torcida do Salgueiro. Por enquanto, mandamos confeccionar cinco mil ingressos que serão vendidos só para torcedores do Salgueiro – enfatiza o presidente do clube, Clebel Cordeiro.
De acordo com Clebel, os ingressos devem começar a ser vendidos na quinta-feira, na loja do clube e no Estádio Cornélio de Barros. A data da partida contra o Flamengo ainda não foi definida pela CBF. 
Por GloboEsporte.com

segunda-feira, 6 de abril de 2015

Com direito a golaço, Valdeir marca dois e ajuda a classificar o Salgueiro

Valdeir faz dois gols na vitória de 4 a 1 do Salgueiro em cima do Náutico (Foto: Emerson Rocha)
Valdeir marcou duas vezes contra o Timbu (Foto: Emerson Rocha)
A tarde desse domingo do meia-atacante do Salgueiro, Valdeir, foi muito especial. Autor de dois gols, um deles em um belíssimo chute de fora da área, o jogador de apenas 22 anos foi um dos destaques da vitória do Carcará em cima do Náutico por 4 a 1. Com a goleada, o time sertanejo se classificou para a semifinal do Pernambucano e eliminou o Timbu.
Muito contente com o seu desempenho na partida, Valdeir falou sobre a felicidade de ter feito os gols. Ao mesmo tempo, o meia também destacou o clima de concentração que a equipe deve viver para o duelo contra o Sport, adversário na semifinal.
– Graças a Deus consegui fazer os dois gols e ajudar a equipe a sair classificada, para disputar a semifinal. Agora, o nosso grupo está focado para chegar contra o Sport e fazer uma boa partida aqui dentro (no Estádio Cornélio de Barros) – projeta.
Essa foi a primeira vez que Valdeir marcou com a camisa do Carcará no Pernambucano. Com as duas bolas na rede, ele se une ao atacante Anderson Lessa e ao zagueiro Rogério na artilharia da equipe no campeonato estadual.
Por GloboEsporte.com

domingo, 5 de abril de 2015

Presidente da Ceaf elogia atitude do árbitro na partida Náutico x Salgueiro

Nielson Nogueira anula pênalti do Náutico (Foto: Reprodução/TV Globo)
(Foto: Reprodução/TV Globo)

A partida Salgueiro x Náutico prometia ser dramática pelo fato de ser decisiva. E a polêmica atuação do árbitro Nielson Nogueira deixou o duelo ainda mais nervoso. Aos 26 minutos do segundo tempo, Nielson assinalou pênalti a favor do Náutico. Mas, após uma conversa com o quarto árbitro, Gleydson Leite, voltou atrás, anulou a penalidade e marcou tiro de meta. O lance revoltou os jogadores do Náutico. Apesar de toda confusão, o presidente da Comissão de Arbitragem da Federação Pernambucana de Futebol (Ceaf-PE), Salmo Valentim, avaliou como muito boa a atuação do quarteto de arbitragem e garantiu que não houve interferência externa na decisão do árbitro ao anular o pênalti. 

Salmo Valentim não esteve no Cornélio de Barros. Assistiu ao lance pela televisão. Na sua ótica, a jogada não foi pênalti em cima do atacante alvirrubro Renato. No entanto, o árbitro acertou ao reconhecer o erro, chamar a responsabilidade e marcar tiro de meta. 

- A atitude do árbitro foi perfeita. Foi um brilhante trabalho de grupo. Ele consultou Elan Vieira (árbitro assistente), que não teve convicção no lance. Depois, veio Gleydson Leite e, com segurança, disse o que aconteceu. Nielson chamou a responsabilidade para ele. Agiu de forma correta. E isso não pode dar direito a jogador partir para cima, querendo agredir a arbitragem - declarou Salmo. 

Para o presidente da Comissão de Arbitragem, o fato de Nielson Nogueira ter se equivocado no lance não pode causar um grande transtorno, muito menos colocar na conta do trio da arbitragem a responsabilidade de ter sido eliminado do Campeonato Pernambucano de forma precoce.

- O que aconteceu em Salgueiro não pode manchar de forma alguma o brilhante campeonato que Nielson Nogueira está fazendo. O que seria pior na partida, ele marcar um pênalti irregular e o Náutico reagir e conseguir a classificação ou reconhecer o erro e corrigi-lo? Para mim, quem falou que houve influência externa, vai ter que provar.

Salmo Valentim pretende conversar com Nielson Nogueira nesta segunda-feira, na sala da Comissão de Arbitragem, que fica no prédio da FPF. A sua maior preocupação é saber o que o árbitro viu no lance do atacante do Náutico, Renato, que originou toda a confusão na partida.  Esse sim, na ótica de Valentim, o único erro da arbitragem no jogo. 

Por GloboEsporte.com

Salgueiro e Náutico jogam por semi do estadual e Nordestão de 2016

Salgueiro x Náutico (Foto: Emerson Rocha)
Carcará e Timbu voltam a ficar frente a frente (Foto: Emerson Rocha)

Poderia até ser um "dejà vu", já que cenário e clima são os mesmos, mas Salgueiro e Náutico voltarão a se enfrentar em uma partida decisiva neste ano de 2015. Se na primeira decisão, pela Copa do Nordeste, o Carcará eliminou o Timbu, desta vez o troco pode valer muito mais, já que o time perdedor estará automaticamente fora da Copa do Nordeste e da Copa do Brasil do ano que vem. A partida acontece às 16h deste domingo no Estádio Cornélio de Barros e o vencedor se garantirá na próxima fase do Campeonato Pernambucano. O alvirrubro ainda tem a vantagem de jogar pelo empate.

O Náutico entra em campo querendo dar o troco no Salgueiro depois de cair, no próprio Estádio Cornélio de Barros, na disputa da Copa do Nordeste. Fora do torneio regional, o recém-chegado técnico Lisca teve mais tempo para treinar e tenta dar a sua cara a equipe. Na última quinta-feira, mesmo com um time cheio de desfalques, venceu o Brasília pela Copa do Brasil e ganhou empolgação para a decisão deste domingo.


O Salgueiro entra em campo contra o Náutico no domingo pronto para o tudo ou nada. Mesmo depois da vitória convincente contra o Piauí pela Copa do Brasil, a equipe não teve descanso durante a Semana Santa. Tudo isso para enfrentar a partida mais importante do semestre na opinião do técnico Sérgio China, já que a vitória significa avançar no campeonato Pernambucano e garantir uma vaga na Copa do Nordeste do próximo ano.

Por GloboEsporte.com

terça-feira, 31 de março de 2015

Em dez minutos, Salgueiro faz três, liquida Piauí fora de casa e pega o Fla

Piauí x Salgueiro - Copa do Brasil (Foto: Emanuele Madeira/GloboEsporte.com)
Carcará não teve dificuldade para garantir vaga na próxima fase (Foto: Emanuele Madeira)
No terceiro encontro de Piauí e Salgueiro no ano, a equipe pernambucana humilhou o Enxuga Rato. No estádio Albertão, em Teresina, na noite desta terça-feira, no jogo de ida da primeira fase da Copa do Brasil, o time pernambucano passou com extrema facilidade pelo conhecido rival – adversário em outros dois empates sem gols na Copa do Nordeste – e avançou à segunda fase da competição nacional para enfrentar o Flamengo. Avassalador no primeiro tempo, o time de Sérgio China fez três gols em dez minutos e construiu o placar de 5 a 1, que elimina o jogo da volta. O Rubro-Anil segue com um ingrato jejum: 16 jogos sem vencer, há um ano.  

Antes de seguir na Copa do Brasil, o Salgueiro enfrenta neste domingo o Náutico, pelo Campeonato Pernambucano. O Piauí se agarra no Campeonato Piauiense, título que não conquista há 30 anos.
No Albertão, com apenas 85 pagantes (renda de R$ 1.275), a equipe de Sérgio China fez do primeiro tempo a sua casa, o Cornélio de Barros. Além disso, a chuva foi aliada da equipe sertaneja. Com a bola molhada, Valdeir, Paulinho Mossoró e Kanu abusaram dos chutes de fora da área durante toda a etapa inicial. O Enxuga Rato teve cinco minutos de lampejo. Neles, conseguiu abrir o placar com Niel, aos 3, em cruzamento de Rian, pela esquerda.
Com mais volume, o Carcará teve uma ajuda do adversário: o goleiro David. No gol de empate de Paulinho Mossoró, o arqueiro rubro-anil defendeu o chute, mas a bola acabou escorregando e morreu lentamente no seu canto esquerdo. Embora tenha até feito uma marcação embolando o meio-campo, o Piauí se perdeu na velocidade do rival, além de uma noite infeliz da dupla de zaga, Sadan e Rafinha. A combinação chuva, goleiro David e chute de fora da área ainda deu outros três gols ao Carcará. Em menos de 10 minutos, Kanu – duas vezes – e Valdeir deram um elástico e sossegado placar.
Com 4 a 1 no placar e a classificação já na conta, o Salgueiro precisou apenas esperar o relógio passar. Nervosa, a equipe rubro-anil parou. As substituições do técnico Paulo Moroni nada deram certo. Jorginho entrou no lugar do lateral-direito Niel; Ítalo, no de Sadan. Enquanto Sérgio China apenas olhava, Moroni gritava na tentativa de acordar seu grupo, ainda mais sem brio após as expulsões do meia Allan e do volante Binha. Marlon, Cássio e Clebinho deram mais consistência ao Carcará, que passeou com dois a mais em campo. Kanu, aos 38, dono do jogo, fez o quinto e volta para casa com o passaporte para enfrentar o Flamengo.  
Por GloboEsporte.com

Piauí e Salgueiro fazem terceiro jogo no ano, quem avançar pega Flamengo

Piauí x Salgueiro (Foto: Emanuele Madeira/GloboEsporte.com)
Depois da Copa do Nordeste, o confronto agora é pela Copa do Brasil (Foto: Emanuele Madeira)
Pela terceira vez no ano, Piauí e Salgueiro se confrontam. Agora, nesta terça-feira, às 20h30, no estádio Albertão, em Teresina, no jogo de ida da primeira fase da Copa do Brasil. Em outras duas oportunidades, Carcará e Enxuga Rato duelaram no Grupo C da Copa do Nordeste. Foram dois empates sem gols. Caso o roteiro continue o mesmo no torneio nacional, a decisão de quem avança à segunda fase para enfrentar o Flamengo sairá apenas nos pênaltis. Situação que Paulo Moroni, treinador da equipe piauiense e Sérgio China, da pernambucana, querem evitar. 

O Piauí convive com uma oscilação na temporada. Em nove jogos, a equipe não venceu nenhum: sete empates e duas derrotas. O ataque não anda bem: cinco gols em nove partidas, em seis delas sem marcar. A instabilidade na temporada não é entendida pelo treinador, que após a derrota para o Flamengo-PI no Campeonato Piauiense lamentou a apatia do time. Moroni tem ainda um baita problema: escalar a equipe com cinco desfalques, jogadores expulsos na Copa do Nordeste após uma briga generalizada na última rodada do regional que cumprem suspensão automática.  
As atenções do Salgueiro estão todas voltadas a estreia na Copa do Brasil, após a eliminação nas quartas de final da Copa do Nordeste. O técnico Sérgio China preferiu poupar vários titulares na derrota de sábado, contra o Ceará, no Nordestão. O time sertanejo deve ir com força máxima para o estádio Albertão. A ordem agora é corrigir os erros de finalizações e buscar a vitória. Tudo de olho no regulamento: caso consiga derrotar o adversário por dois ou mais gols de diferença, o time pernambucano elimina o jogo de volta.
O maranhense Paulo Sergio Santos Moreira apita o jogo, auxiliado pelos assistentes Antônio Fernando de Sousa e Ivanildo Gonçalves da Silva. 
Por GloboEsporte.com

sábado, 28 de março de 2015

Com toque de bola excessivo, Ceará vence Salgueiro e se classifica

Ceará x Salgueiro (Foto: Kid Júnior/ Agência Diário)
Mais uma vez Ricardinho foi figura importante na partida (Foto: Kid Júnior)
Tiki-taka. Tiki-taka. Tiki-taka. Foi no bom e velho estilo espanhol que o Ceará venceu o Salgueiro, na partida de volta das quartas de final da Copa do Nordeste, por 2 a 1, na Arena Castelão, neste sábado (28). Mas, ao contrário do que pode achar quem está lendo esta crônica e não viu o jogo, o Vovô não sobrou em campo e só administrou a vantagem de dois gols que tinha do primeiro jogo. Diferente da seleção espanhola em seu auge, o Alvinegro perdeu muitos gols, irritou o torcedor e chegou a levar sufoco do Carcará.
Mesmo assim, o time ainda pode se vangloriar de ter mais posse de bola e estar classificado para as semifinais do Nordestão. Agora, o Vovô espera o adversário que sai do confronto entre Vitória x América-RN. Os baianos levam vantagem por terem vencido o primeiro jogo, por 1 a 0, fora de casa.
O Ceará volta a campo na próxima quarta-feira, às 22 horas, contra o Confiança, em Aracaju, Sergipe, pela Copa do Brasil. Pela mesma competição, o Salgueiro encara o Piauí, fora de casa, no Estádio Albertão, em Teresina, às 20h30min.
O Vovô começou o primeiro tempo com pinta de quem ia atropelar o Carcará. Com toque de bola cadenciado, o time da casa estava sempre na linha de frente: Magno Alves, Tiago Cametá e Ricardinho comandavam todas as criações de jogada e a execução delas. Foi assim que Magnata abriu o placar. Ele recebeu, dominou no peito e emendou chute de dentro da área.
No entanto, quando a bola não passeava de pé em pé a contento, o Salgueiro tomava alento no jogo. Foram duas defesas difíceis de Luís Carlos que deram o tom de que o Ceará não dominava a partida de forma tão eficiente. E em uma dessas chances criadas, Rodolfo Potiguar saiu do campo de defesa e achou um espaço livre para chutar e deixar o placar empatado. Era fim de primeiro tempo e o segundo parecia ser mais intenso e interessante.
Mas o que pareceria um segundo corrido por uma possível reação do Salgueiro a partir do gol marcado, foi praticamente uma repetição do que ocorreu na etapa inicial. A diferença foi que a equipe visitante teve um jogador expulso e não ameaçou quase em momento nenhum o Ceará.
O Vovô, por sua vez, seguiu na fórmula excessiva de passes que rendeu reclamação da torcida nas arquibancadas. Em determinados momentos, Magno Alves desperdiçou a chance de chutar a gol para tocar a bola uma vez mais a im de seus companheiros. Isso, aliado a gol perdido por cima de gol perdido dava o sentimento às arquibancadas de que o Alvinegro poderia ter goleado um adversário que pouco agrediu na segunda parte do jogo.
E foi depois do único sufoco passado pelo time no segundo tempo que o Ceará voltou a marcar. Em boa inversão de bola, William recebeu de cara para o gol e não pensou duas vezes: tocou na saída do goleiro e fez 2 a 1. O restante é texto repetido do que tem acima.
Por GloboEsporte.com

Em vantagem e com apoio da torcida, Ceará encara o Salgueiro para avançar

Salgueiro x Ceará Cornélio de Barros Copa do Nordeste (Foto: Kid Júnior/Agência Diário)
Ceará superou o Salgueiro fora no primeiro jogo (Foto: Kid Júnior)
Empatar ou perder por até um gol de diferença. Em vantagem após vencer por 2 a 0 fora de casa, o Ceará reencontra o Salgueiro na Arena Castelão neste sábado, às 18h15, em jogo de volta válido pelas quartas de final da Copa do Nordeste. Enquanto o Vovô divide atenções com a semifinal do estadual, em que enfrentará o Guarani de Juazeiro, o Carcará do Sertão também pensa no Pernambucano, onde decide vaga na semifinal com o Náutico. 

No estádio do adversário, o Ceará não teve dificuldade para dominar e não se rendeu à pressão vinda das arquibancadas. Depois do triunfo de quarta-feira, os atletas do Vovô comemoraram, mas cobraram foco na partida em casa. A ideia é evitar qualquer sensação de favoritismo e se doar em campo. A novidade é o lateral-direito entre os titulares de Silas Pereira, já que Samuel Xavier está suspenso.
A derrota de 2 a 0 no primeiro jogo complicou a situação do Salgueiro nas quartas de final da Copa do Nordeste. Para avançar, o time sertaneja precisa vencer por dois ou mais gols de diferença. E esse panorama faz com que o técnico Sérgio China pense na sobrevivência da equipe em outras competições, como o Pernambucano, onde decide vaga na semifinal com o Náutico, e na Copa do Brasil, onde estreia na terça-feira diante do Piauí. Por isso a tendência é que ele mande a campo no Castelão um time diferente do que jogou na quarta-feira, no Cornélio de Barros. A intenção é descansar alguns atletas para os próximos compromissos. 
ablo Ramon Gonçalves Pinheiro, do Rio Grande do Norte, apita a partida. Vinícius Melo de Lima, do RN, e Thyago Costa Leitão, do Piauí, serão os assistentes neste sábado.
Por GloboEsporte.com

sexta-feira, 27 de março de 2015

Diretoria do Salgueiro confirma a contratação de Paulinho Mossoró

Paulinho Mossoró no treino do Sousa no Estádio Teixeirão do Santa Cruz, em Santa Rita (Foto: Amauri Aquino / GloboEsporte.com)
Mossoró já jogou no futebol da Paraíba (Foto: Amauri Aquino)
Na busca de reforçar o setor de meio campo para a disputa da Copa do Brasil e o Brasileiro da Série C, a diretoria do Salgueiro anunciou mais uma contratação. A novidade é a chegada do meia Paulinho Mossoró, que disputou o Campeonato Pernambucano este ano pela equipe do Serra Talhada. O jogador de 27 anos assinou contrato com o Carcará até abril de 2016 e já treina com o grupo.
 Em entrevista ao GloboEsporte.com por telefone, Paulinho Mossoró demonstrou que está feliz pela oportunidade e cheio de vontade para entrar em campo. O atleta está regularizado e já pode estrear com a camisa do Salgueiro na partida contra o Piauí, na primeira partida pela Copa do Brasil, na próxima terça-feira.
- O Salgueiro é uma grande equipe e espero que junto com os meus companheiros a gente possa fazer um grande trabalho. Quero mostrar meu futebol. Viajo na segunda-feira para me juntar ao grupo no Piauí, e estar à disposição do professor Sérgio China para o jogo – confessa o jogador.
Além de ter atuado pelo Serra Talhada, o meia também tem no currículo passagens por equipes como Baraúnas, América-RN, Confiança-SE e Souza-PB. O meia chega para ser mais uma opção para o técnico Sérgio China, que vem tendo dificuldades com o desgaste e lesões de alguns atletas.  
Por GloboEsporte.com