quarta-feira, 27 de julho de 2016

Público pagante do Salgueiro tem diminuído a cada rodada da Série C

Salgueiro x Confiança, torcida (Foto: Reprodução/ TV Grande Rio)
(Foto: Reprodução/ TV Grande Rio)
Se dentro de campo os números do Salgueiro no Campeonato Brasileiro da Série C não são dos melhores, fora das quatro linhas o clube também não tem muito o que comemorar. Um dos símbolos do Carcará do Sertão, a torcida vem deixando a desejar. Em cinco jogos como mandante, a equipe registra uma média de 1.322 pagantes por partida. 

Prestes a fazer dois jogos em casa, contra ABC e ASA, o Salgueiro pode encerrar a sequência de três partidas sem vitória e por fim a outra série incômoda. O número de pagantes no estádio Cornélio de Barros vem caindo a cada rodada. O Carcará tem a 13ª melhor média de público pagante entre os 20 times da Série C. 

Contando com os jogos da Copa do Nordeste, Copa do Brasil e Campeonato Pernambucano, a média de público pagante do Salgueiro sobe para 2.854. O jogo com maior presença de torcedores foi no dia 10 de abril, na derrota de 2 a 0 para o Náutico, no estadual, com 5.402 ingressos vendidos. 

Por GloboEsporte.com

Sem vencer há três rodadas, técnico do Salgueiro avalia: "Isso é natural"

River-PI X Salgueiro  (Foto: Stephanie Pacheco )
(Foto: Stephanie Pacheco)
Depois de sofrer uma derrota por 2 a 0, para o Botafogo-PB, o Salgueiro soma três rodadas consecutiva sem vitórias. Além disso, o time chega à 10ª rodada sem conseguir marcar gol nos jogos fora de casa. O técnico  Evandro Guimarães acredita que a queda no rendimento seja previsível em uma competição como a Série C do Campeonato Brasileiro.

- Isso é natural em final de turno, essa oscilação. Chegamos em um momento que os detalhes ficam definindo os jogos. Essa Série C está sendo uma das mais fortes dos últimos anos, com equipes boas e todas elas com atletas de bom nível. Eu já comentava no início que não vai ser fácil. É uma campanha que passa por vários processos, não é somente vencer e pronto - declarou Evandro.
O treinador aposta nos jogos das próximas rodadas, que serão em casa, contra o ABC e ASA, para que o time volte a vencer. O objetivo é retornar ao G4.
- Temos dois jogos em casa para ajustar a tabela e voltar. Não podemos é perder nosso foco principal. Então a expectativa é retomar nossa campanha e voltar ao G4 para seguir a briga pelo nosso objetivo principal - finalizou o técnico.
Por GloboEsporte.com

terça-feira, 26 de julho de 2016

Curtinha: Rodolfo Potiguar e Luciano desfalcam o Salgueiro contra o ABC

Rodolfo Potiguar, Salgueiro (Foto: Emerson Rocha)
(Foto: Emerson Rocha)
Sem vencer há três jogos, o técnico Evandro Guimarães terá alguns problemas para montar a equipe do Salgueiro para a partida contra o ABC, no Cornélio de Barro. Diante do Botafogo-PB, além de sair do estádio Almeidão com a derrota por 2 a 0, o treinador do Carcará viu o volante Rodolfo Potiguar ser punido com o cartão vermelho e o goleiro Luciano tomar seu terceiro cartão amarelo na Série C. 
A derrota contra o Botafogo-PB manteve o Salgueiro fora do G-4. Com 13 pontos, o time sertanejo tem dois pontos a menos do que o quarto colocado. Olhando para a zona de rebaixamento, o Carcará tem quatro pontos a mais do que o River-PI, que aparece em nono lugar.
Por GloboEsporte.com

domingo, 24 de julho de 2016

Salgueiro não resiste e perde para o Botafogo em João Pessoa

Botafogo-PB, Salgueiro, Série C (Foto: Larissa Keren / GloboEsporte.com)
(Foto: Larissa Keren)
O Botafogo-PB está brigando palmo a palmo pela liderança do Grupo A da Série C do Brasileiro. Na noite deste domingo, o Belo venceu o Salgueiro por 2 a 0, no Almeidão, em João Pessoa, e encostou no líder Fortaleza. Por um gol, o Alvinegro da Estrela Vermelha não reassumiu a liderança isolada da chave.
Com um gol em cada tempo - Pedro Castro no primeiro e Rodrigo Silva no segundo -, o Botafogo-PB não passou sustos e manteve os 100% de aproveitamento jogando em casa nesta Série C. O time se beneficiou com o empate do Fortaleza com o River-PI, ontem, e agora está na co-liderança com o Leão do Pici.
A vitória levou o Belo aos mesmos 18 pontos do Fortaleza, mas os paraibanos perdem para o Tricolor cearense na quantidade de gols marcados (13 a 11) e, por isso, estão na segunda colocação. Já o Salgueiro permaneceu com 15 pontos, na sexta colocação, mas pode até subir para o quinto lugar, se o Remo for goleado pela Cuiabá nesta segunda-feira.
Na próxima rodada, o Botafogo-PB vai até o Mato Grosso, onde enfrenta o Cuiabá na Arena Pantanal, no domingo, às 16h. No dia seguinte, o Salgueiro recebe o Remo no Cornélio de Barros, às 19h15, no interior do Pernambuco.
Empurrado pela torcida, que não se acanhou com a chuva, o Botafogo-PB foi para cima desde o início. E a primeira chance real de abrir o placar saiu logo aos oito minutos, quando Val arriscou de longe e acertou um chute colocado, forçando o goleiro Luciano a se esticar todo e fazer uma boa defesa. Mas, três minutos mais tarde, não deu para o goleiro do Salgueiro. Pedro Castro tabelou com Danielzinho e tocou com estilo na saída do arqueiro alviverde, mandando para o fundo das redes e colocando o Belo à frente no placar.
A partir daí, o Salgueiro melhorou em campo e passou a investir mais nas jogadas pelas pontas para tentar chegar ao ataque e buscar o empate. Rodrigo Silva ainda tentou ampliar para os donos da casa, mas foi a equipe visitante que chegou muito perto de marcar. Após escanteio cobrado por Rafael Mineiro, Cássio desviou de cabeça, e a bola já estava quase entrando quando Jéfferson Recife apareceu para salvar o Botafogo-PB e evitar o empate. O Belo ainda perdeu boas oportunidades com Danielzinho e com Jéfferson Recife, e o Salgueiro acabou esbarrando na boa marcação da zaga adversária. E a rede não balançou mais antes do intervalo.
Os times voltaram sem substituições para a segunda etapa e com o Salgueiro mais organizado e tomando a iniciativa, indo em busca do empate, mas esbarrando na boa marcação do Botafogo-PB. O jogo começou a ficar faltoso e cheio de cartões amarelos. E sem grandes chances de gol. Pelo menos até os 23 minutos, quando Danielzinho acionou João Paulo pela direita do ataque do Belo. O camisa 2 alvinegro cruzou na área, na medida para Rodrigo Silva subir e, de cabeça, tocar no canto esquerdo do goleiro Luciano, para ampliar para o time da casa.
Logo depois, a situação ficou ainda melhor para o Botafogo-PB. É que Rodolfo foi expulso após fazer falta em Pedro Castro e se desentender com jogadores adversários e deixou o Salgueiro com um a menos em campo. A partir daí, o Belo melhorou, teve mais espaços e controlou a partida. Chegou perto de ampliar, primeiro com Plínio, depois com Marcinho. Mas o terceiro gol, que daria a liderança isolada ao Alvinegro, não saiu, e a partida terminou mesmo com o placar marcando 2 a 0. Não sem antes Plínio também ser expulso após carrinho perigoso em Tatu.
Com informações do GloboEsporte.com

terça-feira, 19 de julho de 2016

Salgueiro acerta com o atacante Wanderson, que estava no Paysandu

Wanderson, Paysandu (Foto: Fernando Torres/Assessoria do Paysandu)
(Foto: Fernando Torres)
A falta de gols tem sido o principal problema do Salgueiro na Série C.A equipe tem o pior ataque da competição, tendo balançado as redes apenas seis vezes, em nove jogos. Para tentar resolver o problema, a diretoria do Carcará acertou a contratação do atacante Wanderson, de 24 anos, que estava defendendo o Paysandu na Série B. O jogador chega por empréstimo até novembro. 
De acordo com o gerente de futebol do Salgueiro, Carlos José de Araújo, a vontade de contar com o futebol de Wanderson vem desde 2014, quando ele ainda defendia o ASA. 
– O Wanderson, quando jogava no ASA, nós tivemos o prazer de jogar contra, e ele chamou muita atenção no jogo contra a gente e pela competição que vinha fazendo no ASA. Como eu não estava conseguindo trazê-lo para o Salgueiro, pelos valores que estavam sendo pedidos na época, Gustavo Bueno da Ponte Preta, na época, pediu informação sobre o jogador e eu disse que era um excelente jogador e ajudaria muito ele na Ponte. Mas, quando você chega no clube, existem várias coisas e você termina não jogando. Mas ficou aquele interesse, aquela vontade de trazer o Wanderson para ajudar a gente e, graças a Deus, conseguimos junto com o Paysandu, em parceria que a gente fez, trazer o Wanderson para cá. Ele fica até novembro, para tentar conseguir, com o nosso grupo, colocar o Salgueiro na Série B – explica Carlos José. 
O técnico Evandro Guimarães elogiou o novo atacante do Carcará. Com a contratação de Wanderson, o Salgueiro passa a contar com cinco jogadores para o ataque. 
– Ele foi vice-artilheiro da Série C, já esteve na Ponte Preta, estava no Paysandu. É um Jogador de nível muito alto – disse Evandro.
FICHA DE WANDERSON
Wanderson de Macedo Costa tem 24 anos e apareceu no futebol em 2013, defendendo a equipe do ASA. Em 2014, após marcar 13 gols com a camisa alagoana, o jogador se transferiu para a Ponte Preta. Em Campinas, o atacante marcou apenas dois gols.  
O atacante ainda tem passagem pelo Paraná e pelo futebol português. Contratado pelo Paysandu nesta temporada, Wanderson participou de 12 jogos e não conseguiu marcar nenhum gol. 
Por GloboEsporte.com


domingo, 17 de julho de 2016

Salgueiro e Confiança empatam em 1 a 1 no estádio Cornélio de Barros

Salgueiro x Confiança, série C (Foto: Ednardo Blast/ TV Grande Rio)
(Foto: Ednardo Blast/ TV Grande Rio)
Salgueiro e Confiança entraram em campo neste domingo com metas bem distintas na Série C. Enquanto o Carcará queria a vitória para voltar ao G-4, o Dragão queria vencer para sair da Zona do Rebaixamento do Grupo A. No final, nem um nem outro. Em um jogo fraco tecnicamente, as equipes saíram do estádio Cornélio de Barros com o empate em 1 a 1. O Salgueiro saiu na frente com Ranieri, no primeiro tempo, mas cedeu o empate no comecinho da segunda etapa. Kivel aproveitou a bobeada da defesa adversária e igualou o placar.

Com o placar o Salgueiro cai uma posição e agora é o sexto colocado com 13 pontos. O Confiança permanece na zona de rebaixamento, agora com sete pontos. Na próxima rodada começa o returno do Campeonato Brasileiro da Série C. O Confiança recebe o ASA, no próximo domingo, às 16h,  na Arena Batistão, em Aracaju. No dia seguinte, às 19h, o Salgueiro visita o Botafogo-PB, no Estádio Almeidão, em João Pessoa.

Os donos da casa não precisaram forçar muito para largar na frente no primeiro tempo. Os visitantes voltaram a cometer os erros dos outros jogos com defesa confusa e ataque ineficiente. Após escanteio, Marcos Tamandaré lançou na área e o zagueiro Ranieri mandou a bola para o fundo do gol para abrir o placar para o Salgueiro. Na base do abafa, o Confiança fez uma certa pressão, mas sofreu com os contra-ataques e sua defesa, que saia errado. Em uma delas Cássio ficou com a sobra e desperdiçou boa chance de aumentar.
Na etapa final os visitantes melhoraram e logo no início igualaram o marcador com Leandro Kivel, que recebeu dentro da área, escolheu o canto e mandou a bola no fundo do gol. O bom momento do Confiança continuou e Kivel, Orobó e Rodrigo Jesus, nos acréscimos Djalma tentou por cobertura, mas o jogo terminou tudo igual.
Por GloboEsporte.com

quinta-feira, 14 de julho de 2016

Jogo entre Salgueiro e Confiança será apitado por árbitro do Espírito Santos

Felipe Varejão, árbitro capixaba (Foto: Secundo Rezende)
(Foto: Secundo Rezende)
A partida entre Salgueiro e Confiança, válida pela 9ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série C, será apitada pelo capixaba Felipe Duarte Varejão. O árbitro será auxiliado pelo conterrâneo Edson Glicerio dos Santos e pelo maranhense Elson Araújo da Silva. O confronto acontecerá no estádio Cornélio de Barros, às 16 horas. 
Felipe Varejão tem 33 anos anos e é Aspirante Fifa. O jogo entre Salgueiro e Confiança será o primeiro apitado por ele nesta Série C. Na temporada, além do Campeonato Capixaba, ele apitou jogos nas Série B, D e Copa do Brasil. 
Por GloboEsporte.com

quarta-feira, 13 de julho de 2016

Salgueiro treina de olho no Confiança e no retorno ao G-4 do Grupo A

Treino Salgueiro  (Foto: Ednardo Blast/ TV Grande Rio)
(Foto: Ednardo Blast/ TV Grande Rio)
Para espantar a má impressão deixada após a derrota para o lanterna River-PI, o time do Salgueiro está treinando duro. A equipe do técnico Evandro Guimarães se reapresentou na terça-feira de olho na partida contra o Confiança. Nesta quarta-feira, os jogadores treinaram em dois períodos. Depois, até sábado, os trabalhos serão feitos apenas na parte da tarde.

Contra os sergipanos, o Salgueiro vai tentar retomar o caminho das vitórias. Além disso, a partida, válida pela 9ª rodada do Grupo A, pode recolocar o time no G-4. O Carcará tem 12 pontos e está na quinta posição, empatado com o Remo, quarto colocado.  Um fator que pode ajudar o Tricolor é o mando de campo. O time está invicto no  estádio Cornélio de Barros, neste Brasileiro. Ao lado do torcedor, a equipe conseguiu três vitórias e um empate. 

Por GloboEsporte.com